AS Notícias Online 20camara
HOME POLÍCIA POLÍTICA ESPORTE GERAL EVENTOS EMPREGOS AGENDA VÍDEOS CONTATO
Boa tarde - Itabira, sábado, 23 de março de 2019  

GERAL
ALMG vai criar a CPI das Barragens nesta quarta-feira (13)
Anúncio foi feito nesta terça (12) pelo presidente da Assembleia, o deputado Agostinho Patrus (PV) 13/03/2019

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
Brumadinho
Pelo menos 165 pessoas morreram após o rompimento da barragem I da Mina Córrego do Feijão
PUBLICADO EM 12/03/19 - 18h19

Após reunião da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa de Minas Gerais com líderes partidários, realizada nesta terça-feira (12), o presidente da Casa, o deputado Agostinho Patrus (PV) anunciou a criação da CPI das Barragens, para a apuração do rompimento da Mina Córrego do Feijão, da mineradora Vale, em Brumadinho, ocorrida no último dia 25 de janeiro.

"A Assembleia também tem que dar uma participação efetiva na questão da fiscalização, e por isso estamos acatando o pedido de CPI apresentado pelo deputado Sargento Rodrigues. Será lido amanhã (quarta) em plenário os membros desta comissão que irão compor esta CPI, cada um dos líderes por mim solicitados irão participar desta comissão. A Assembleia vai fazer um trabalho em conjunto com os demais órgãos do Estado, contamos muito com a participação do Ministério Público Estadual, do Ministério Público Federal, das polícias estaduais e federais, dos órgãos competentes nesta fiscalização para que a Assembleia possa, neste momento tão importante para Minas Gerais dar mais uma resposta importante à sociedade mineira", disse Patrus.  

A CPI das Barragens, como será denominada, terá seu anúncio oficial lido nesta quarta, conforme garantiu Patrus, ocasião em que sua formação será anunciada em plenário.

No entanto, os membros já estão definidos. O deputado Gustavo Valadares (PSDB) será o presidente da comissão, que terá Inácio Franco (PV) como vice, André Quintão (PT) como relator, além de líderes de blocos como componentes como Cássio Soares (PSD) e Noraldino Júnior (PSC). Primeiros a assinarem o requerimento pela criação da CPI, a deputada Beatriz Cerqueira (PT) e o deputado Sargento Rodrigues (PTB) completam a lista.

De acordo com a última atualização, já foram identificados 201 mortos pela tragédia, sendo que ainda há outras 107 pessoas desaparecidas. Mais de 130 bombeiros seguem trabalhando sem parar na busca pelos demais desaparecidos.

 
 

 


 

 

E-mail: contato@regionaldigital.com.br

REGIONAL DIGITAL 2019. Todos os Direitos Reservados.
REGIONAL DIGITAL
INFORMAÇÃO DE QUALIDADE!
Desenvolvedor: SITE OURO