AS Notícias Online
HOME POLÍCIA POLÍTICA ESPORTE GERAL EVENTOS EMPREGOS AGENDA VÍDEOS CONTATO
Boa noite - Itabira, domingo, 16 de dezembro de 2018  

POLITÍCA
Parque tecnológico e aeroporto – Ronaldo Magalhães buscará investimentos na China
28/11/2018

Parque tecnológico e aeroporto – Ronaldo Magalhães buscará investimentos na China

 

 

Nesta quinta-feira (29), o prefeito Ronaldo Magalhães, acompanhado dos assessores José Wilson Campos (Projetos e Captação de Recursos) e Celso Matosinho da Silva (Gestão, Programas e Metas), viajará para Pequim, capital da República Popular da China, em busca de investimentos para a diversificação econômica itabirana.

Até o dia 11/12, o prefeito terá reuniões com representantes do governo chinês e empresários asiáticos para tratar de possíveis investimentos na Universidade Federal de Itajubá (Unifei), no Parque Científico Tecnológico e no aeroporto de carga, ambos com projetos básicos já elaborados e enviados à China. “Criamos condições para buscar esses recursos extremamente necessários para o nosso desenvolvimento econômico”, ressaltou o prefeito. Segundo ele, “tudo isso” está na fase inicial, “e nossa visita será o início da conversa. Precisamos entender e estudar o funcionamento de uma possível parceria e, principalmente, analisar se é realmente interessante para o município”. O segundo passo, de acordo com Ronaldo Magalhães, é encontrar uma alternativa jurídica segura, em nível internacional, para oficializar este tipo de parceria.

A Prefeitura de Itabira foi convidada pelo governo chinês por meio do consultor Kleber Guerra, um dos idealizadores do projeto para instalação da Unifei na cidade. “Ele já tem um relacionamento com a China, sempre estuda estas alternativas e também discute programas como esses em outras cidades brasileiras”, afirmou o prefeito.

Viabilidade

O parque científico pode atrair empresas interessadas pela geração de tecnologia e conhecimento. Ter uma universidade sólida, terreno pertencente ao Governo Federal para implantação de sua estrutura (localizado no Posto Agropecuário), bem como a proximidade do local onde poderá ser construído um aeroporto são condições que viabilizam a construção do parque. “O almejado aeroporto tem que ser implantado a, no máximo, cinco quilômetros de distância do parque. Isso garantirá a isenção dos impostos sobre exportação”, explicou Ronaldo Magalhães.

Em tempo

A viagem do prefeito à China aconteceria no mês passado, inclusive para que participasse de um congresso. No entanto, foi adiada devido ao recente problema de saúde enfrentado.

 


 

 

E-mail: contato@regionaldigital.com.br

REGIONAL DIGITAL 2018. Todos os Direitos Reservados.
REGIONAL DIGITAL
INFORMAÇÃO DE QUALIDADE!
Desenvolvedor: SITE OURO