AS Notícias Online 20prefeitura
HOME POLÍCIA POLÍTICA ESPORTE GERAL EVENTOS EMPREGOS AGENDA VÍDEOS CONTATO
Boa tarde - Itabira, domingo, 21 de julho de 2019  

POLITÍCA
Pimentel viajou 868 vezes com as aeronaves do Estado
Administração de Romeu Zema disponibilizou dados que não eram divulgados pela gestão anterior 13/04/2019

 

Enviar por e-mail
Imprimir
Fernando Pimentel
Foto: Douglas Magno - 1.10.2018

O governo do Estado divulgou, ontem, a lista de voos oficiais realizadas pela atual e antiga gestão em aeronaves oficiais. De acordo com os dados, Fernando Pimentel (PT) utilizou 868 vezes a frota aérea do Estado durante os quatro anos de mandato. Durante o período pelo qual foi governador, o petista não divulgou a relação dos voos com o argumento de que era uma orientação do setor de segurança.
 
Na extensa lista de passageiros aparecem familiares, babás, aliados do petista, membros do primeiro escalão do governo, figuras políticas como o ministro do Supremo Tribunal Federal Ricardo Lewandowski e a mulher dele, o ex-presidente do Uruguai José Mujica, os ex-presidentes Dilma e Lula, entre outros.

Um dos casos de maior repercussão de uso das aeronaves do Estado ocorreu quando o ex-governador foi até Capitólio buscar o filho um dia após o réveillon de 2017. A divulgação do caso só foi feita porque uma pessoa filmou e postou nas redes sociais um helicóptero do governo chegando ao local com Pimentel e, em seguida, o filho embarcando na aeronave. Esse voo aparece na lista divulgada pelo governo atual. 

Na ocasião, o petista afirmou que a intenção era passar o dia com o filho no local, mas o jovem teria se sentido mal e eles retornaram para Belo Horizonte antes do previsto. “Nada ilegal ou irregular. O deslocamento do governador em aeronave está previsto em lei, e o uso é regulado por decreto de 2005”, postou o então governador à época dos fatos.

Chama atenção também os cerca de 160 voos realizados com a presença da então primeira-dama Carolina Oliveira. Em quase 50 deles, também estava a filha do casal nascida no final de 2015. Outros 45 trajetos foram feitos com babás da criança. 

Aparecem na lista várias viagens de fim de semana em cidades do interior de Minas com a família, que se referiam ao cumprimento de agendas oficiais. Esse tipo de deslocamento não é proibido pelas regras do uso de aeronaves, mas gera um debate sobre a moralidade de gastar dinheiro público com esse fim.

 

 


 

 

E-mail: contato@regionaldigital.com.br

REGIONAL DIGITAL 2019. Todos os Direitos Reservados.
REGIONAL DIGITAL
INFORMAÇÃO DE QUALIDADE!
Desenvolvedor: SITE OURO